Bem vindo ao blog da Guarda Municipal de Taapiramuta

BEM VINDO AO BLOG DA GUARDA MUNICIPAL DE TAPIRAMUTÁ, O SEU ESPAÇO DE NOTICIAS.

PARA COLABORAR COM O BLOG, ENVIE A SUA MATERIA PARA E-MAIL.

guardamunicipaldetapiramuta@gmail.com


Horas

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

MÃE MATA O FILHO, CORTA-O AO MEIO E JOGA PARA OS URUBUS. ISSO NÃO É MÃE, NEM ANIMAL FAZ ISSO.



 


 
 
A jovem Ana Paula Marquês, de 18 anos, foi presa, na manhã desta quinta-feira (23), acusada de ter cortado o filho recém-nascido ao meio com uma faca de cortar carne, no Bairro Morro da Onça, em Esperantina. 
Até a gora a polícia encontrou apenas uma das partes da criança, que havia sido jogada no fundo de uma capela. A população descobriu que a criança tinha sido assassinada, depois que viram urubus nos fundos da capela, devorando as vísceras do bebê.
CENA FORTE
O delegado de Esperantina, Lucas Craveiro, afirmou que a estudante Ana Paula Marques, de 18 anos, confessou que matou o filho e o cortou em dois pedaços na noite de quarta-feira (21). 
Ela jogou as partes sobre o muro de sua casa, que é vizinha a capela no bairro Morro da Onça. Lucas disse que Ana Paula inicialmente negou o crime, mas voltou atrás e confessou que matou o bebê assim que o teve sozinha dentro de casa, usando uma faca de cortar carne. 
“Ana Paula matou e cortou o filho porque não queria tê-lo e seus pais, com quem reside, não aceitava a gravidez. Ela disse desconhecer ao pai da criança”, falou. “É um tipo de crime que choca todo mundo”, finalizou. 
O corpo foi examinado no hospital local. O delegado vai encaminhar a acusada para o Centro de Atenção Psicossocial (CAPs) para que seja apurada uma possível depressão pós-parto. 
Se for comprovado o transtorno, ela será indiciada por infanticídio, com pena de 2 a 6 anos de prisão. Em caso negativo, ela vai responder por homicídio, com pena de mais de 20 anos de prisão.
 



combatepolicial

Nenhum comentário:

Postar um comentário